Pontos negativos de ir para o Brasil

Apesar de ser um dos países para onde os portugueses emigram mais, ir viver para o Brasil também tem os seus pontos negativos. A ideia que se tem em Portugal de tudo ser perfeito, muitas vezes não corresponde a realidade. A ideia de que o mercado de trabalho é excelente para um português nem sempre é verdade, porque, para todos os efeitos, um português no Brasil é apenas um estrangeiro como qualquer outro. A demora para criar uma empresa ou a obtenção de um visto é outro problema. Em Portugal pode-se criar uma empresa na hora, basta apresentar os sócios e o modelo do contrato social. No Brasil não é tão simples, e pode tardar 2 meses, se tudo correr bem. Quanto à obtenção de um visto pode demorar até cerca de 30 ou 40 dias, o que por vezes leva as empresas à desistência de contratar aquela pessoa do estrangeiro. Além do visto ter de ser pedido pela entidade empregadora e não pelo profissional, esta ainda tem de explicar porque está a utilizar mão de obra do estrangeiro em detrimento da brasileira. Além disto, é exigido o mínimo de dois anos de contrato para a obtenção deste.

As vagas de emprego para algumas áreas não são tão abundantes como se julga em Portugal, existem vagas para engenharia, por exemplo, no entanto para outras áreas como arquitectura já é mais complicado encontrar um emprego.

Denota-se, também, já alguma fraqueza da economia “crescente” do Brasil. É evidente que o país, apesar de ter crescido muito a nível económico, é afectado pela crise europeia e dos Estados Unidos, e começam a notar-se alguns sinais de queda económica, apesar de ainda pouco evidentes.




Veja também:

--ADS--
--ADS--